Vai finalmente ser possível editar tweets

É algo que é há muito desejado e reclamado por quem utiliza o Twitter: poder editar tweets. Ainda não se sabe quando poderá ser possível corrigir pequenos erros ortográficos ou incorrecções na informação partilhada, mas é algo que o Twitter está a pensar em implementar. Para já, a única maneira de o fazer é apagar e voltar a publicar.

A revelação foi feita por Jack Dorsey, presidente executivo da rede social, durante uma entrevista ao canal de YouTube de Joe Rogan. No entanto, o Twitter ainda não sabe como irá implementar esta funcionalidade.

“Podíamos fazer de maneira a que houvesse um pequeno atraso de 5 a 30 segundos no envio de um tweet e, nesse espaço de tempo, fosse possível editá-lo”, sugeriu Jack durante a entrevista. Além disso, o histórico de edições de cada tweet ficaria disponível, à semelhança do que já acontece com as publicações no Facebook.

Jack acrescentou ainda que uma das razões para ainda não ser possível editar tweets se prende com o facto de tanto ele como os outros co-fundadores da empresa terem “nascido durante a era das SMS”.

Além de não se poder editar uma SMS depois de enviada, o limite de caracteres é de 160. Recorde-se que já em 2017, o Twitter aumentou o número de caracteres nos tweets para 280, o dobro dos clássicos 140 que, segundo Jack, eram vistos como algo sagrado dentro da companhia.

Comentar